Posts

Workshop 2G Bioethanol

Pesquisadores do CNPEM descobrem novo grupo de enzimas com potencial de ação nas áreas de saúde, nutrição animal e biocombustíveis

Com auxílio FAPESP, trabalho publicado na revista Nature Chemical Biology revela novos mecanismos e estratégias para romper polissacarídeos vegetais e gerar subprodutos de interesse, como prebióticos e biocombustíveis Os polissacarídeos…

Linhagem de T. Reesei utiliza casca de soja e melaço de cana para produção enzimática

As enzimas do tipo (hemi)celulase são utilizadas nas Usinas de Segunda Geração e representam boa parte do custo de produção do Etanol 2G. Esse é um dos gargalos que impedem que a Segunda Geração do Biocombustível voe mais alto. Esse…

Ciência de alto impacto

Dois artigos científicos foram publicados em 2014 por profissionais do CTBE em periódicos com elevado fator de impacto, acima de 15 pontos. Tais publicações foram destaques do Laboratório no Relatório Anual do CNPEM, aprovado pelo Conselho…
Workshop 2G Bioethanol

Enzimas para degradar diferentes tipos de biomassa

O Workshop on Second Generation Bioethanol 2014, promovido pelo Laboratório Nacional de Ciência e Tecnologia do Bioetanol (CTBE) nos dias 10 e 11 de novembro, chegou a sua quinta edição neste ano e contou com diversos palestrantes de renome…
Workshop 2G Bioethanol

Coquetel enzimático do CTBE para a produção de etanol 2G

As primeiras usinas de etanol 2G (segunda geração) devem entrar em operação no Brasil ainda em 2014. Com isso, passa-se a utilizar o bagaço e a palha da cana-de-açúcar para produzir biocombustível, ampliando a oferta do produto sem…

Páginas