Biofísica de Macromoléculas

Instalação dedicada à caracterização bioquímica e biofísica de macromoléculas como proteínas e enzimas, e nanopolímeros, como a nanocelulose e derivados de lignina. Com o uso das técnicas desta instalação, é possível avaliar e selecionar proteínas potenciais com características compatíveis (como pH e temperatura) para aplicação em bioprocessos, visando principalmente a otimização da produção de biocombustíveis e outros produtos. Além de toda a infraestrutura para caracterização bioquímica e biofísica de macromoléculas que é de suma relevância para aplicações industriais, esta instalação conta com equipamentos instrumentais para enzimologia fina que envolve estudos de especificidade e mecanismos de ação.

Principais competências e técnicas experimentais:

  • Determinação da composição estrutural e de termoestabilidade de macromoléculas;
  • Caracterização de fluorescência, fosforescência, bio e quimioluminescência de macromoléculas;
  • Perfil de carboidratos e determinação de padrões de clivagem por CAZymes (carbohydrate-active enzymes);
  • Comportamento hidrodinâmico e de cargas de macromoléculas;
  • Determinação de parâmetros enzimáticos;

A instalação possui um equipamento de espalhamento dinâmico de luz (DLS Malvern Zetasizer), capaz de investigar a homogeneidade estrutural das moléculas em solução. Está igualmente equipada com um espectropolarímetro de dicroísmo circular (Jasco J-815), capaz de determinar a composição da estrutura secundária das macromoléculas, além de investigar a termoestabilidade. Esta instalação também possui espectrofluorímetros, Cary Eclipse e Tecan Infinite Microplate Reader, para caracterização de fluorescência intrínseca e extrínseca, fosforescência, bio e quimioluminescência de macromoléculas, além de um sistema de eletroforese capilar para estudos do perfil de carboidratos provenientes da hidrólise por enzimas glicosídicas.

Início de operação: em 2014 e 2015 para usuários externos.

A instalação passou por uma mudança de nome, antes chamava-se MAC – Macromoléculas e agora chama-se BFM – Biofísica de Macromoléculas.

Citação obrigatória a ser utilizada nos trabalhos de usuários

Esta pesquisa utilizou instalações do Laboratório Nacional de Biorrenováveis (LNBR), do Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais (CNPEM), uma Organização Social supervisionada pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI). A equipe da instalação (NOME DA INSTALAÇÃO) é reconhecida pela assistência durante os experimentos (números das propostas).

Período de uso e submissão

Instalações

Período de submissão 2023

Período de realização 2023

Biofísica de Macromoléculas16/Jan a 30/Nov30/Jan a 14/Dez
Sequenciamento de Alto Desempenho03/Jan a 30/Nov01/Fev a 15/Dez
Metabolômica                              17/Jul a 17/Nov01/Ago a 19/Dez
Desenvolvimento e Escalonamento de Bioprocessos                                   15/Dez/22 a 20/Jan
15/mai/23 a 14/Jun
Jan a Jun
Jul a Nov